News

O seu cliente já digitalizou, porque você ainda não?

Published

on

A sua empresa ainda não se digitalizou em pleno 2022? A digitalização já estava em alta, mas perante a pandemia, e principalmente o isolamento social, esse processo tomou proporções jamais vistas. O consumidor brasileiro possui novas necessidades e o seu comportamento mudou em todos os setores, assim, a digitalização da sua empresa deixou de ser um diferencial e passou a ser uma necessidade para a sobrevivência nesse novo cenário. Hoje vamos te mostrar como que o comportamento do consumidor mudou e como, contando com ferramentas, você pode se digitalizar com excelência, transformando a sua digitalização em um diferencial.  

Com o isolamento social por conta da COVID-19, o consumo teve que se adaptar. Com restaurantes, shoppings e lojas fechando, a compra on-line e o delivery tornaram-se essenciais para manter a empresa funcionando. Até estabelecimentos como supermercados e farmácias que se mantiveram abertos tiveram que adotar essas práticas pois muitos clientes preferiam evitar se locomover e arriscar a contaminação. Essas práticas ao longo do tempo deixaram de ser por conta da preocupação com a saúde ou por políticas impostas pelo Estado, elas passaram a ser costume e o normal. O consumidor agora preza mais o conforto e praticidade e esse consumo digital chegou para ficar. Segundo uma pesquisa realizada pela Ebi, 13 milhões de novos consumidores adotaram o consumo online em 2020, chegando a um total de 79,7 milhões de consumidores do e-commerce, um aumento de 29% em relação a 2019. E esse crescimento não estagnou depois do primeiro ano de pandemia, segundo uma pesquisa da Neotrust, em 2021 houve um crescimento de 57,4% no consumo digital em comparação com 2020.

Com essas mudanças percebemos que as empresas precisam se digitalizar para acompanhar a tendência de seus consumidores, mas essa digitalização não para na migração para o e-commerce. A digitalização da população brasileira, mesmo tendo sido catalisada pela necessidade de realizar compras online, tomou proporções além disso. Hoje em dia o consumo de conteúdo e informação, contato com pessoas e processo de decisão de compra são realizados, em grande parte, online. A jornada do consumidor passou a ser em sua maioria digital, e o seu processo decisório passou a ser digital e autônomo, sendo apenas 17% da venda, se isso, feita com contato humano. Assim, consideramos que a presença online da sua empresa é necessária em todas as etapas da jornada do seu consumidor, pois mesmo o varejo físico voltando, o processo de compra não voltará a ser o mesmo. Segundo a Social Miner, 49% dos consumidores pretendem adotar o “phygital”, a mescla do físico com o digital, sendo que 52% pretendem realizar a compra online e apenas buscar o item na loja física, ou seja, para 52% dos consumidores o processo de decisão e a compra continuará sendo 100% online. 

Para realizar a digitalização da sua empresa de forma diferenciada existem quatro aspectos a serem considerados. A sua transformação vai depender de novas formas de operação e modelos econômicos, conectividade, processos e análises e para isso é necessário focar em estratégias, capacidades, organização e cultura dentro da sua empresa. Para isso existem ferramentas que otimizam e facilitam esses processos, fazendo com que você consiga superar expectativas de digitalização e se destacar no mercado. 

Vamos falar agora de como as empresas que se digitalizaram se destacam. Segundo um estudo realizado pela McKinsey, com o objetivo de medir a maturidade digital de empresas que atuam em diversos setores, existem quatro tipos de empresas perante a digitalização: os iniciantes, emergentes, ascendentes e líderes digitais. A pesquisa descobriu que os líderes digitais, empresas mais digitalizadas, apresentam um melhor desempenho financeiro do que as demais, chegando a ser até três vezes maior, além de se sobressair na estrutura organizacional, experimentação e na jornada do cliente.

Se ainda não te convencemos a se digitalizar convidamos você a pensar sobre os seus hábitos de consumo. Se você como consumidor mudou a forma de consumir e comprar, por que a sua empresa não deve mudar também? Acompanhar as tendências do mercado deve sempre ser uma prática nas empresas. Não fique para trás, digitaliza.aí!

E, se você possui alguma solução interessante e quer divulgar tanto em nosso marketplace quanto nos canais da StartSe, cadastre aqui.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Trending

Sair da versão mobile